Turismo e Singularidade no Conjunto Franciscano da Praça: São Cristóvão/SE
Publicações de Turismo

Sobre

 

Nova busca:   Campo:   Tipo:     



Tipo: periódico

Título: Turismo e Singularidade no Conjunto Franciscano da Praça: São Cristóvão/SE

Autor(es): Denio Santos Azevedo      Ivan Rêgo Aragão                                                                                   

Periódico: Revista Eletrônica de Turismo Cultural             Volume: 8           Número:            Páginas:            Ano: 2010

Palavras-chave:
turismo      São Cristóvão      UNESCO      Praça São Francisco      patrimônio                                                                 

Resumo: Essa pesquisa constatou que a Praça São Francisco é o principal espaço turístico de São Cristóvão. Com um conjunto arquitetônico nos moldes das construções franciscanas, este local está passando pelo processo de adquirir junto a UNESCO a marca para se tornar lugar possuidor de um sítio que é Patrimônio Cultural da Humanidade. Os objetivos do presente trabalho são analisar o convívio dos permanentes com o patrimônio imóvel da Praça São Francisco; Investigar como o patrimônio em “pedra e cal” auxilia na construção da identidade local e perceber de que forma os turistas apreciam o patrimônio edificado da praça. Após a pesquisa bibliográfica, foi feita observação in loco, e realizadasentrevistas e aplicação de questionários semiestruturados no Centro Histórico, com os moradores e visitantes. Na tabulação e averiguação dos dados coletados foi desenvolvida análise qualitativa e quantitativa Este artigo visa mostrar os aspectos singulares da praça, mostrando que ela é não só é signo de beleza artística da cidade, onde atrai pessoas de várias partes do Brasil, mas também fator de identidade sociocultural dos moradores.

Referência em formato ABNT:
AZEVEDO, Denio Santos; ARAGÃO, Ivan Rêgo. Turismo e Singularidade no Conjunto Franciscano da Praça: São Cristóvão/SE. Revista Eletrônica de Turismo Cultural, São Paulo, v. 8, 2010.


Comunicar um erro nesta referência