Turismo cultural na fronteira missioneira brasil-argentina: patrimônio e identidade como atrativos turísticos
Publicações de Turismo

Sobre

 

Nova busca:   Campo:   Tipo:     



Tipo: periódico

Título: Turismo cultural na fronteira missioneira brasil-argentina: patrimônio e identidade como atrativos turísticos

Autor(es): Muriel Pinto                                                                                         

Periódico: Revista Eletrônica de Turismo Cultural             Volume: 8           Número:            Páginas:            Ano: 2010

Palavras-chave:
fronteira      identidade      patrimônio histórico-cultural      turismo cultural      gestão territorial                                                                 

Resumo: As fronteiras da América do Sul são marcadas pelos baixos índices de desenvolvimento econômico e social, fatores esses que vem tornando mais freqüentes as ações públicas e acadêmicas em prol da criação de políticas estratégicas para as devidas regiões. A área em estudo a faixa de fronteira São Borja-Brasil/ Santo Tomé-Argentina, possui uma história representativa na América Latina, onde foram antigas Reduções Jesuíticas Guarani, tiveram participação na Guerra do Paraguai, destacando-se também na formação de líderes políticos importantes como (Getúlio Vargas e João Goulart, ex-presidentes do Brasil, oriundos de São Borja). Sua localização geográfica propicia um destaque geopolítico na América Latina, pois é um corredor de comércio exterior e de fluxo de pessoas entre Brasil-Argentina-Paraguai-Chile. Este artigo busca analisar os bens patrimoniais e fluxo aduaneiro como potencialidades para dinamização do turismo cultural na área fronteiriça, voltando-se para elaboração de propostas de gestão dos recursos culturais e turísticos locais.

Referência em formato ABNT:
PINTO, Muriel. Turismo cultural na fronteira missioneira brasil-argentina: patrimônio e identidade como atrativos turísticos. Revista Eletrônica de Turismo Cultural, São Paulo, v. 8, 2010.


Comunicar um erro nesta referência