A reprodução social como modo de resistência: a trajetória da comunidade pesqueira do Mosqueiro, Aracaju (SE)
Publicações de Turismo

Sobre

 

Nova busca:   Campo:   Tipo:     



Tipo: periódico

Título: A reprodução social como modo de resistência: a trajetória da comunidade pesqueira do Mosqueiro, Aracaju (SE)

Autor(es): Mirsa Mara Barreto Xavier Leite      Mário Jorge Silva Santos                                                                                   

Periódico: Revista Nordestina de Ecoturismo             Volume: 5           Número: 1           Páginas:            Ano: 2012

Palavras-chave:
                                                                                         

Resumo: O Objetivo deste artigo é analisar o modo de reprodução social da comunidade do Mosqueiro (Aracaju-SE). Essa reprodução é baseada na prática da pesca como principal forma de resistência para a permanência no território ocupado e garantia de suas atividades de sobrevivência social, econômica e ambiental. A metodologia adotada consiste em caracterizar de forma dialética, com todas as suas contradições o processo de ocupação no território, estabelecido pelos moradores no decorrer dos tempos e a cultura da pesca como principal mecanismo de estabelecimento de laços de entre os moradores locais com o território ocupado, frente a novos processos sociais estabelecidos na localidade.

Referência em formato ABNT:
LEITE, Mirsa Mara Barreto Xavier; SANTOS, Mário Jorge Silva. A reprodução social como modo de resistência: a trajetória da comunidade pesqueira do Mosqueiro, Aracaju (SE). Revista Nordestina de Ecoturismo, Aquidabã (SE), v. 5, n. 1, 2012.


Comunicar um erro nesta referência