Estratégias de marketing: Estudo no setor de agências de viagens e turismo
Publicações de Turismo

Sobre

 

Nova busca:   Campo:   Tipo:     



Tipo: periódico

Título: Estratégias de marketing: Estudo no setor de agências de viagens e turismo

Autor(es): Aléssio Bessa Sarquis      Nádia Pizzinatto      Antônio Carlos Giuliani      Andréa Simone Machiavelli Pontes                                                                       

Periódico: Revista Brasileira de Pesquisa em Turismo             Volume: 9           Número: 2           Páginas: 298-320           Ano: 2015

Palavras-chave:
Estratégia de marketing      Relacionamento com clientes      Organizações de serviços      Agências de viagens e turismo                                                                       

Resumo: O setor de turismo tem papel econômico-social relevante e as estratégias de marketing podem contribuir para melho-rar o desempenho de mercado das organizações de serviços. Assim, o estudo analisou as estratégias de marketing apli-cadas no setor de serviços de agências de viagens/turismo no Estado de Santa Catarina e, para isso, uma pesquisa quan-titativa, tipo descritiva não conclusiva, na forma de levantamento de campo (survey) e de corte transversal foi aplicada com questionários autoadministrados disponibilizados na plataforma Google Docs para uma amostra de 109 agências emissivas de pequeno e médio portes. As análises estatísticas foram realizadas por meio de moda, frequência, média aritmética, desvio-padrão e teste de hipóteses, conforme as escalas de mensuração aplicadas. Os resultados apontam que a grande maioria das agências pesquisadas utiliza estratégias de marketing interno, externo, interativo e de gestão do relacionamento com clientes e que as agências de porte médio utilizam com maior frequência a maioria das estraté-gias de marketing mensuradas.

Referência em formato ABNT:
SARQUIS, Aléssio Bessa et al. Estratégias de marketing: Estudo no setor de agências de viagens e turismo. Revista Brasileira de Pesquisa em Turismo, São Paulo, v. 9, n. 2, p. 298-320, 2015.


Comunicar um erro nesta referência