Governança turística: políticas públicas inovadoras ou retórica banal?
Publicações de Turismo

Sobre

 

Nova busca:   Campo:   Tipo:     



Tipo: periódico

Título: Governança turística: políticas públicas inovadoras ou retórica banal?

Autor(es): María Velasco González                                                                                         

Periódico: Caderno Virtual de Turismo             Volume: 14           Número: especial           Páginas: 9-22           Ano: 2014

Palavras-chave:
Governança turística      Política turística      Impactos                                                                             

Resumo: Este artigo reflete sobre o conceito de governança do turismo, uma palavra que vem ocupando progressivamente discursos políticos e pesquisas ao longo das últimas duas décadas. Trata-se de um conceito com contornos pouco definidos, que se deriva do conceito de governo, sugerindo uma evolução do mesmo. O conceito está ligado, em particular, à ideia de que outros mecanismos de coordenação social fora do governo, como as redes de atores ou mesmo o mercado, seria melhores alternativas para resolver os problemas e desafios coletivos. Nosso argumento é desenvolvido em três etapas. O primeiro é o debate sobre o turismo como um objeto de ação pública, em segundo lugar discute-se a política de turismo e os objetivos implantados ao longo das últimas décadas e, finalmente, propõe uma maneira de lidar com uma idéia de governança turística que não impeça o debate político sobre os conflitos gerados pelo turismo e o papel dos agentes públicos na sua gestão e tomada de decisão coletiva.

Referência em formato ABNT:
GONZÁLEZ, María Velasco. Governança turística: políticas públicas inovadoras ou retórica banal?. Caderno Virtual de Turismo, Rio de Janeiro, v. 14, n. especial, p. 9-22, 2014.


Comunicar um erro nesta referência